quinta-feira, 1 de outubro de 2015

Karaokê e VAMPS em São Paulo!

Boa noite!

Com tudo desandando na minha rotina, muito estresse e ansiedade me fazendo passar mal e um cansaço inacabável, eu precisava recuperar um pouco das minhas energias. E acho que nada teria sido melhor do que esse fim de semana em São Paulo!

Tudo já começou bem quando cheguei em Congonhas e a Carol estava lá me esperando no desembarque. E ficou melhor ainda quando conseguimos usar um desconto do 99 Táxis e pagar somente R$6 até nosso hotel. Por questão de economia, ficamos em um Ibis Budget, mas o quarto é excelente, e o café da manhã também é uma delícia (além de não ser caro, R$12 por pessoa, por dia!).

Ficamos um pouco na cama, separando nas nossas malas o que havíamos levado uma para a outra e conversando, mas logo tratamos de nos arrumar, porque iríamos passear na Liberdade antes de ir ao Porque Sim (karaokê e restaurante, que fica ali pertinho).


Uma foto publicada por Nathalia Maria Portela (@princesstzk) em

Uma foto publicada por Nathalia Maria Portela (@princesstzk) em

Encontramos o Gui, comemos na Itiriki, e fomos passear no SoGo. Compramos algumas coisinhas, e uma encomenda de um amigo da Carol, e logo deu hora de irmos encontrar o pessoal na porta do Porque Sim.

A Metal encontrou com a gente no caminho, e a Carol Hirota já estava lá nos esperando. O Jean infelizmente não pôde ficar, porque tinha trabalho, mas foi lá na porta só para me conhecer, então fiquei muito feliz! Também encontramos um pessoal que iria ao show do VAMPS no dia seguinte, que também havia reservado uma sala de karaokê.

Eu nunca havia ido a um karaokê na vida, e estava morrendo de vergonha! Graças a Deus a Metal estava comigo, e com ela foi fácil de desinibir e cantar um pouco de Super Junior. Depois, consegui até cantar uma música sozinha (World Behind My Wall, do Tokio Hotel), com o coro participativo da Nath, minha xará linda que amei conhecer. E também teve Haruka Kanata, do Asian Kung-fu Generation (a famosa primeira abertura de Naruto Clássico), que todo mundo cantou junto, pelo menos um pedaço ou outro que lembrava!

Também conheci, com toda a honra e o prazer do mundo, a Karine e a Vanessa. Elas estavam lindas! E também conheci o Hudson e sua voz poderosíssima de heavy metal. O karaokê foi divertidíssimo! Depois que nosso tempo esgotou e acertamos o valor para cada um, fomos lá para fora tirar fotos, e ficamos conversando, sem nem ver a hora. Uma pena que o tempo voa quando a gente se diverte! Espero que a gente possa repetir a experiência mais vezes.

Karine (esquerda) e Jean (direita) 

Roubei essa foto do blog da Karine, porque não tirei fotos do pessoal ;^;

Domingo foi dia de VAMPS! Eu, que estava indo somente para acompanhar a Carol, saí do show completamente apaixonada pelo HYDE e por tudo, pelas músicas, pelas artes marciais do K.A.Z com a guitarra, pela água que eles jogaram em nós durante o show, foi tudo simplesmente perfeito!


Uma foto publicada por Nathalia Maria Portela (@princesstzk) em

O Cine Joia é pequeno, bem menor que o Espaço das Américas, onde originalmente seria o show. Mas a pouca venda de ingressos e a casa pequena não fez o show ser menos que perfeito! Conseguimos ficar com tranquilidade mais atrás lá da premium, e ainda assim ficamos super perto do palco. Foi fácil de ver tudo, e de acompanhar tudo, o que foi ótimo, porque eles estavam SUPER interstivos! HYDE conversou em português, fez bagunça com a gente, rodou, caiu no palco, deitou, botou a língua pra fora, sorriu um sorriso tão lindo! K.A.Z fez altas performances de guitarra, pulou junto do Ju-Ken e do HYDE pelo palco todo, Ju-Ken empolgado pedia coro, palmas e gritos o tempo todo... nem sei como falar tudo, só sei que foi um show incrível!

Chegamos 11h na fila, e foi bem tranquilo passar as 7h até a hora de entrar na casa. A Carol entrou antes, porque meu ingresso foi sorteado para o high-touch com o HYDE e o K.A.Z, então troquei com ela pra que ela pudesse ir no meu lugar. Pouco tempo depois eu entrei, e achei ela bem fácil. Compramos uma camisa oficial pra ela também.

Eu gosto de registrar e cobrir shows no Instagram, então enquanto a memória e a bateria permitiram, postei vídeos e fotos. Claro que já peguei vários outros vídeos e fotos de outras pessoas, e a cada vez que vejo lembro de tudo, e tenho mais certeza de que já apaixonei mesmo, não tem volta.



Segunda-feira fomos só eu e Carol. Deixamos as malas no hotel e fomos passear. Teve Galeria do Rock, Daiso, Marisa, lojinha de acessórios (que meu lado Decora ama!) e Starbucks antes de irmos ao aeroporto. A despedida, como sempre, foi sofrida... mas bem, o fim de semana foi perfeito, e amei cada segundo dele! 

2 comentários:

  1. Volte sempre (e no frio, para aproveitar mais XD) \o/

    ResponderExcluir
  2. Fico feliz por você, lindinha!!!!❤️❤️❤️❤️❤️

    ResponderExcluir